ABB: Criando um líder focado em indústrias digitais

Ações fundamentais para focar, simplificar e liderar indústrias digitais para aumentar o valor ao cliente e o retorno para o acionista

Foco no portfólio de indústrias digitais por meio do desinvestimento de Power Grids.

  • O desinvestimento da divisão de Power Grids para a Hitachi expande a parceria existente e fortalece Power Grids como líder de infraestrutura global com acesso aprimorado a mercados e financiamento.

-Enterprise Value de US$ 11 bilhões para 100% de Power Grids, equivalente a um EV/op. EBITA múltiplo de 11.2x

  •   Cristalizando o valor da transformação de Power Grids, incluindo a duplicação da margem EBITA operacional desde 2014

.-Inicialmente, a ABB mantém 19,9% do capital de Power Grids para assegurar a transição; opção de saída pré-definida em 19,9% de ações a valor justo de mercado com preço mínimo de 90% do Enterprise Value, exercível pela ABB três anos após o fechamento

-Encerramento esperado até o primeiro semestre de 2020

-A ABB pretende devolver 100% dos recursos líquidos estimados em caixa de US$ 7,6-7,8 bilhões da venda de 80,1% aos acionistas de maneira rápida e eficiente por meio de recompra de ações ou mecanismo similar

Simplificação do modelo de negócios e estrutura

  •   Descontinuação da estrutura matricial
  • Atividades voltadas aos clientes, bem como funções e territórios de negócios, serão asseguradas, incentivando a cultura empresarial empreendedora da ABB
  • As áreas de negócio serão fortalecidas com a transferência de recursos experientes de gestão de país
  • Estruturas nacionais e regionais existentes, incluindo papéis do Comitê Executivo regional serão descontinuadas após a conclusão da transação
  • Atividades corporativas serão focadas na estratégia do grupo, gerenciamento de portfólio e desempenho, alocação de capital, tecnologias centrais e plataforma ABB Ability 

   Formação de quatro negócios líderes alinhados conforme padrões de clientes

  •   Todos negócios globais # 1 ou # 2 em mercados de crescimento atraentes:
  • Eletrificação, liderada por Tarak Mehta
  • Automação Industrial, liderada por Peter Terwiesch
  • Robótica e Automação Discreta, uma combinação única de B&R e Robótica, liderada por Sami Atiya
  • Movimento, combinando a oferta líder de mercado da ABB em motores e acionamentos, liderada por Morten Wierod, nomeado para o Comitê Executivo a partir de 1º de abril de 2019
  • As soluções digitais sob medida ABB Ability ™ impulsionarão o valor ao cliente em cada negócio, ao mesmo tempo em que capturarão sinergias por meio de uma plataforma comum
  • Ações posicionam a ABB com um papel de liderança em soluções digitais e tecnologias em evolução, como inteligência artificial

 Impacto financeiro da nova ABB

  •   Reduções de custos anuais de $ 500 milhões em todo o grupo
  • Aproximadamente US$ 500 milhões em encargos de reestruturação não operacionais

 Novo quadro financeiro pós-fechamento definido

  •  Nova estrutura de metas para o grupo
  • Prioridades de alocação de capital inalteradas
  • Política de dividendos com aumento sustentável de dividendos ​​por ação
  • A ABB pretende manter o nível de dividendo por ação após o fechamento
  • A ABB pretende manter seu rating de crédito de “A” único de longo prazo
  • Metas de negócios e outras informações financeiras a serem divulgadas com a atualização da estratégia 

 - Atualização de estratégia em 28 de fevereiro de 2019, em combinação com os resultados do quarto trimestre e do ano de 2018, para fornecer mais detalhes sobre a nova estratégia, negócios e finanças da ABB  

“A ABB impulsiona a transformação industrial há mais de um século como líder tecnológico pioneiro global. Como resultado da nossa estratégia Next Level, todos os nossos negócios são hoje o número 1 ou 2 em seus respectivos mercados. Para apoiar nossos clientes em um mundo de transformação tecnológica e digitalização sem precedentes, devemos nos concentrar, simplificar e moldar nossos negócios para a liderança. As ações de hoje criarão uma nova ABB, líder focada em indústrias digitais”, disse o CEO da ABB, Ulrich Spiesshofer.

“O negócio de Power Grids fortalecerá a Hitachi como líder global em infraestrutura de energia. A Hitachi fortalecerá a posição da Power Grids como líder global em redes elétricas. Com esta transação, estamos percebendo o valor que construímos através da transformação de Power Grids nos últimos quatro anos. Nossos acionistas se beneficiarão diretamente com o retorno do produto da alienação. Com base na nossa parceria existente, anunciada em 2014, a joint venture inicial proporcionará continuidade aos clientes e à nossa equipe global. ”  

“Para competir no mundo em rápida mudança de hoje, damos autonomia total aos nossos negócios, através da descontinuidade da estrutura matricial, garantindo proximidade dos clientes e aumentando nossa agilidade na tomada de decisões. Nossas quatro empresas recém-formadas, cada uma líder global, estarão bem alinhadas à maneira como nossos clientes operam e se concentrarão mais em tecnologias emergentes, como a inteligência artificial. A contínua simplificação de nosso modelo de negócios e estrutura será um catalisador para o crescimento e a eficiência em nossos negócios. Nossos negócios serão mais apoiados através da transferência de recursos experientes das organizações nacionais de hoje. ”

“Tudo isso só será possível devido ao comprometimento de nossa equipe global que fez da ABB o que é hoje. O nosso poder de inovação, juntamente com a nossa cultura inclusiva, continuará a ser uma força diferenciadora da nossa empresa. Vivenciaremos o foco aprimorado no cliente, ofereceremos oportunidades atraentes para nossos funcionários e geraremos valor para os acionistas ”.  

Peter Voser, chairman da ABB, disse: “O anúncio de hoje marca o início de um novo capítulo na história da ABB. Com base em nossa tecnologia e base global de funcionários talentosos, fortaleceremos ainda mais nosso foco nos setores digitais, proporcionando retornos competitivos aos acionistas, incluindo nossa política de dividendos. Nos últimos cinco anos, a execução deliberada da estratégia da ABB lançou as bases para que nossos negócios pudessem competir nas indústrias digitais em rápida evolução e proporcionar um crescimento lucrativo. ”  

“Estávamos muito certos no passado de que as ações necessárias para a reversão de Power Grids poderiam ser melhor alcançadas dentro da ABB. Após a conclusão desta etapa, realizamos uma revisão do negócio de Power Grids e decidimos garantir a melhor casa para o desenvolvimento futuro do negócio por meio da combinação com a Hitachi. A nova ABB estará posicionada para escrever o futuro como líder em tecnologia focada no cliente em indústrias digitais. ”

Foco de portfólio em indústrias digitais através do desinvestimento de Power Grids  

A ABB anuncia hoje que a Hitachi adquirirá os negócio de Power Grids da ABB, uma expansão de sua parceria existente com a Hitachi. O preço acordado representa uma transação de US$ 11 bilhões para 100% de Power Grids, o equivalente a um EV/op. EBITA múltiplo de 11,2x¹, antes da participação do custo corporativo. A ABB inicialmente obterá uma consideração alavancada de ~ US$ 9,1 bilhões da venda de 80,1% das Power Grids, incluindo a alavancagem líquida pré-venda (empréstimo intercompanhia líquido do dinheiro transferido), antes de transação única e custos relacionados à separação, bem como o impacto de impostos em dinheiro.

Num mundo de  infraestrutura de energia em rápida transformação, com um cenário de clientes em constante mudança e a necessidade de financiamento e maior influência do governo, a ABB acredita que a Hitachi é a melhor proprietária de Power Grids. Como uma proprietária comprometida estável e de longo prazo, com quem a ABB desenvolveu uma forte parceria comercial desde 2014, a Hitachi fortalecerá ainda mais os negócios, proporcionando acesso a mercados novos e em crescimento, bem como a financiamento. A Hitachi acelerará Power Grids para o próximo estágio de seu desenvolvimento, com base na sólida base obtida sob a propriedade anterior da ABB.  

Desde 2014, os negócios de Power Grids foram significativamente melhorados sob a condução da ABB. Os últimos resultados (3º Trimestre de 2018) estão no corredor da margem-alvo, com margens mais do que dobradas, com desenvolvimento positivo de pedidos de base de terceiros registrados nos últimos seis trimestres consecutivos.  

A ABB inicialmente reterá uma participação acionária de 19,9% na joint venture, permitindo uma transição uniforme. O acordo da transação inclui uma opção predefinida para a ABB sair da participação retida de 19,9%, exercível três anos após o fechamento, a um valor de mercado justo, com o preço mínimo em 90% do Enterprise Value acordado. A Hitachi detém uma opção de compra sobre os 19,9% restantes, a um valor justo de mercado, com o preço mínimo a 100% do Valor da Empresa acordado.

A joint venture será sediada na Suíça, com a Hitachi mantendo a equipe de gestão para garantir a continuidade dos negócios.  

A partir do quarto trimestre de 2018 até o fechamento, a ABB reportará Power Grids em operações descontinuadas. Como conseqüência, a ABB registrará US$ 350-400 milhões de custos ociosos e outros custos relacionados, que atualmente são predominantemente registrados como parte da base de custos de Power Grids. Agora, eles serão reconhecidos no EBITA corporativo e em outras operações da ABB. A ABB espera eliminar a grande maioria desses custos com o fechamento do acordo, transferindo-os de volta para Power Grids. A ABB espera aproximadamente US$ 200 milhões de encargos no 4T 2018 relacionados predominantemente ao negócio de subestações de EPC legado relatado em EBITAs corporativos não operacionais e outras operações não essenciais.  

A ABB espera incorrer em uma transação não operacional única e custos relacionados à separação de US$ 500 a US$ 600 milhões. A ABB antecipa um impacto fiscal de caixa de US$ 800 a US$ 900 milhões. A conclusão da transação está prevista para o primeiro semestre de 2020, sujeita a aprovações regulatórias e cumprimento das condições de fechamento. A ABB pretende devolver 100% dos recursos líquidos estimados em caixa de US$ 7,6-7,8 bilhões da venda de 80,1% aos acionistas de maneira rápida e eficiente por meio de recompra de ações ou mecanismo semelhante.  

Simplificação do modelo de negócios e estrutura  

A partir de 1º de abril de 2019, a ABB simplificará sua estrutura organizacional por meio da descontinuidade da estrutura matricial, capacitando, assim, seus quatro principais negócios a atender ainda melhor aos clientes, aprimorando ainda mais as responsabilidades e aumentando a eficiência.  

A nova organização da ABB fornecerá a cada empresa total propriedade operacional de produtos, funções, pesquisa e desenvolvimento e territórios. As empresas serão a interface única para os clientes, maximizando a proximidade e a velocidade.

O centro corporativo será mais simplificado. Ele definirá a visão e a estratégia de longo prazo para o grupo, guiadas pelos valores da ABB. Isso impulsionará a alocação de capital, o gerenciamento de portfólio e desempenho, as principais tecnologias da ABB Ability ™, a marca da ABB e o investimento em pessoas. Como um elemento fundamental da simplificação, as estruturas nacionais e regionais existentes, incluindo as funções regionais do Comitê Executivo, serão descontinuadas após o fechamento da transação. Os recursos existentes do nível nacional fortalecerão os novos negócios. A ABB espera um total de US$ 500 milhões em reduções de custo anuais de taxa de juros em todo o grupo no médio prazo. Espera-se que cerca de US$ 500 milhões de encargos de reestruturação não operacionais relacionados sejam realizados nos próximos dois anos.

Formação de quatro empresas líderes alinhadas com padrões de clientes  

A ABB formará quatro negócios focados no cliente - Eletrificação, Automação Industrial, Robótica e Automação Discreta e Movimento. Cada empresa será o número 1 ou 2 global em mercados atraentes com forte tradição secular. O know-how de domínio estabelecido da ABB, engenharia de classe mundial e especialização em tecnologia, posicionará bem as quatro empresas para fornecer produtos e soluções inovadoras para aumentar o valor ao cliente. O mercado endereçável da ABB está crescendo entre 3,5% e 4% ao ano, acrescentando US$ 140 bilhões em tamanho para alcançar US$ 550 bilhões até 2025.  

Com base na plataforma digital comum da ABB, a ABB Ability ™, as empresas fornecerão soluções digitais personalizadas, gerando maior valor para o cliente. Com base em tecnologias emergentes, incluindo inteligência artificial e sua forte oferta de software, a ABB Ability ™ atenderá à crescente demanda dos clientes da ABB por soluções digitais no mundo industrial em rápida mudança.

Eletrificação - escrevendo o futuro da eletrificação segura, inteligente e sustentável  

O negócio existente fornecerá um portfólio completo de produtos inovadores, soluções digitais e serviços, da subestação ao soquete. Com uma posição de mercado # 2 globalmente, seu mercado endereçável é atualmente de US$ 160 bilhões e crescerá em média em torno de 3% ao ano no longo prazo. O negócio de eletrificação terá forte exposição a segmentos de clientes em rápido crescimento, incluindo renováveis, mobilidade eletrônica, centros de dados e prédios inteligentes. O negócio será liderado por Tarak Mehta, atual presidente da divisão de produtos de eletrificação. O negócio de eletrificação teria gerado aproximadamente US$ 13 bilhões de receita no período de 12 meses até o final de setembro de 2018, incluindo uma contribuição de receita estimada no período do GEIS, um negócio que foi adquirido em 30 de junho de 2018.  

Automação Industrial - escrevendo o futuro das operações seguras e inteligentes  

O negócio recém-moldado oferecerá uma gama completa de soluções inovadoras, permitindo que os clientes operem processos seguros e eficientes, com maior autonomia. A Automação Industrial incluirá a automação integrada, a automação e as soluções digitais específicas da indústria da ABB, tecnologias de controle, software e serviços avançados, bem como as ofertas de medição e análise, marítima e de turbo-carregamento. A Automação Industrial será a # 2 no mercado globalmente. O mercado endereçável de US$ 90 bilhões deverá crescer, em média, 3 a 4% ao ano no longo prazo. O negócio será liderado por Peter Terwiesch, atual presidente da divisão de Automação Industrial. A automação industrial teria gerado aproximadamente US$ 7 bilhões de receita no período de doze meses até o final de setembro de 2018.  

Robótica e Automação Discreta - escrevendo o futuro da fabricação flexível e de máquinas inteligentes  

O negócio recém-formado combinará de maneira exclusiva as soluções de automação de máquinas e fábricas, principalmente da B&R, com as mais completas soluções de robótica e suíte de aplicativos do mercado. O negócio será # 2 globalmente, com uma posição # 1 em robótica no importante mercado chinês de alto crescimento. O mercado endereçável, já com US$ 80 bilhões, deve crescer em média de 6 a 7% ao ano no longo prazo. As soluções e serviços digitais da empresa proporcionam aos clientes segurança, eficiência, up-time e velocidade aprimoradas, e atendem à crescente demanda dos clientes por soluções de manufatura flexíveis e integradas. A Robotics & Discrete Automation será liderada por Sami Atiya, atual presidente da divisão de robótica e movimento. A robótica e automação discreta teria gerado aproximadamente US$ 4 bilhões de receita no período de doze meses até o final de setembro de 2018.  

Motion - escrevendo o futuro do movimento inteligente.  

O negócio fornecerá aos clientes uma gama abrangente de motores elétricos, geradores, unidades e serviços inovadores, bem como soluções de trem de força digital integradas. A Motion será a empresa número 1 no mercado global, com a maior base instalada em um mercado de US$ 80 bilhões, que cresce em média em torno de 3% ao ano. O negócio será liderado por Morten Wierod, atual Diretor de Unidade de Negócios de Drives. Ele se tornará membro do Comitê Executivo a partir  de 1º de abril de 2019. A divisão teria gerado aproximadamente US$ 6 bilhões de receita no período de doze meses até o final de setembro de 2018.  

Perfil financeiro atrativo  

A ABB demonstrará a melhoria da qualidade comercial dos negócios, a exposição aprimorada a mercados em crescimento mais rápido, com ênfase maior em soluções de alto valor agregado, menor volatilidade de pedidos e receitas mais recorrentes por meio de soluções digitais, software e serviços.  

A proposta de investimento da ABB é refletida em uma nova estrutura de metas de grupo de médio prazo:

  •  Crescimento anual de receita comparável de 3-6%
  • Margem EBITA operacional de 13 a 16%
  • Retorno sobre o capital empregado (ROCE) de 15 a 20%
  • Conversão de caixa para lucro líquido de aproximadamente 100%, e
  • Crescimento do EPS básico acima do crescimento da receita

 A ABB teria gerado receitas de aproximadamente US$ 29 bilhões no período de 12 meses até o final de setembro de 2018, incluindo uma contribuição de receita estimada no período do GEIS, um negócio que foi adquirido em 30 de junho de 2018 e excluindo a contribuição de Power Grids.  

Alocação de capital  

As prioridades sustentadas de alocação de capital da ABB permanecem inalteradas, a saber:

  •   Financiar crescimento orgânico, P&D e Capex para gerar retornos atraentes
  • Aumento do dividendo sustentável
  • Aquisições criadoras de valor
  • Devolver dinheiro adicional aos acionistas

 Após a conclusão do desinvestimento das Power Grids, a ABB pretende devolver 100 por cento dos recursos líquidos em caixa aos acionistas de maneira rápida e eficiente e executar uma política de aumento do dividendo sustentável. A ABB pretende manter o nível de dividendo por ação após fechamento e visa manter seu rating de crédito “A” único a longo prazo.

Atualização de estratégia

A ABB pretende anunciar uma atualização de estratégia juntamente com os resultados do 4T 2018. Na atualização da estratégia, os líderes e as equipes de gerenciamento da ABB das quatro áreas de negócios fornecerão visões gerais detalhadas de seus mercados, estratégias, negócios e metas.  

Datas revisadas

 À luz dessas mudanças fundamentais, a ABB corrigirá as datas anunciadas para:

  •   Q4 e FY 2018 em 28 de fevereiro de 2019
  • 1º trimestre de 2019 e AGM para 2 de maio de 2019

 O Credit Suisse AG e a Dyal Co. LLC atuaram como consultores financeiros, e a Freshfields Bruckhaus Deringer LLP como consultores legais, para a ABB.    

Mais Informações  

Para mais informações sobre o anúncio de hoje, consulte ABB.com/writing-the-future.  

A ABB realizará uma coletiva de imprensa hoje, com início às 10:00h, horário da Europa Central (CET) (9:00h às 16:00h, 4:00h às 11:00h). O evento será acessível por webcast em https://swisscomstream.ch/abb/20181217/en

O evento será acessível por teleconferência. Os participantes deverão conectar-se 10 minutos antes do início da chamada. Os números de discagem da chamada são:

Reino Unido +44 207 107 0613 Suécia +46 8 5051 0031

Resto da Europa, +41 58 310 5000

EUA e Canadá +1 866 291 4166 (ligação gratuita) ou +1 631 570 5613 (tarifas de longa distância)

As linhas estarão abertas 10 a 15 minutos antes do início da chamada.    

A ABB (ABNIX: SIX Swiss Ex) é líder pioneira de tecnologia em redes elétricas, produtos para eletrificação, automação industrial e robótica e movimento, atendendo globalmente a clientes de concessionários de serviço, indústria e transporte e infraestrutura. Dando continuidade a uma história de inovação que abrange mais de 130 anos, a ABB atualmente está escrevendo o futuro da digitalização industrial com duas propostas de valor claras: levar eletricidade de qualquer usina elétrica para qualquer tomada e automatizar indústrias, desde recursos naturais até produtos acabados. Como principal patrocinadora da ABB Formula E, a competição de automobilismo internacional totalmente elétrica da FIA, a ABB está ampliando os limites da mobilidade eletrônica para contribuir para um futuro sustentável. A ABB opera em mais de 100 países, com cerca de 147.000 funcionários.

É mandatório que a ABB torne esta informação pública em conformidade com o Regulamento de Abuso de Mercado da União Europeia. As informações foram enviadas para publicação, por meio da agência da pessoa de contato abaixo, às 11h do Horário Central Europeu em 12 de dezembro de 2018.

Aviso importante sobre as informações prospectivas

Este press release inclui informações prospectivas e declarações, bem como outras declarações sobre as perspectivas para o nosso negócio, incluindo aquelas nas seções deste release, intitulado "Perspectivas de curto prazo", "Fluxo de caixa de atividades operacionais", "Estratégia de Next Level" e “Perspectivas de curto e longo prazo”. Estas declarações são baseadas em expectativas atuais, estimativas e projeções sobre os fatores que podem afetar nosso desempenho futuro, incluindo condições econômicas globais, as condições econômicas das regiões e indústrias que são os principais mercados para a ABB Ltd. Estas expectativas, estimativas e projeções são geralmente identificáveis pelas declarações que contêm palavras como "espera", "acredita que," "estima", "metas," "planos", "é provável", "pretende" ou expressões similares. No entanto, existem muitos riscos e incertezas, muitos dos quais estão além de nosso controle, o que poderia causar que nossos resultados reais difiram materialmente das informações prospectivas e declarações feitas neste press release e que podem afetar nossa capacidade de alcançar qualquer ou todos os nossos objetivos declarados. Os fatores importantes que poderiam causar tais diferenças incluem, entre outros, riscos empresariais associados às condições políticas e ambiente econômico global volátil, custos associados com atividades de conformidade, aceitação no mercado de novos produtos e serviços, mudanças em regulamentações governamentais e nas taxas de câmbio, e outros fatores conforme possam ser discutidos de vez em quando no arquivamento da ABB Ltd com a U.S. Securities and Exchange Commission , incluindo seus relatórios anuais no formulário 20-F. Embora a ABB Ltd acredite que suas expectativas refletiram-se em qualquer uma das tais declarações prospectivas que são baseadas em suposições razoáveis, não pode dar nenhuma garantia de que essas expectativas serão alcançadas.

As mudanças planejadas podem estar sujeitas a quaisquer processos de envolvimento relevantes com representantes / funcionários. A ABB honrará totalmente essas obrigações legais.

Compartilhe este artigo

Facebook LinkedIn Twitter WhatsApp