Crescimento sustentado

  • Total de encomendas + 9%, em todas as divisões e regiões
  • Encomendas de base + 7%, em todas as divisões e regiões
  • Faturação + 3%; faturação de serviços aumento de até 11%
  • Margem Operacional (EBITA) 12,1%, impactada pela diluição de GEIS
  • EPS operacional + 4%
  • Lucro líquido de 603 milhões de dólares, + 6%
  • Cash flow operacional 565 milhões de dólares, a ABB espera uma distribuição sólida do Cash Flow ao longo do ano.

"Apresentámos um crescimento sustentado, com uma melhoria nas encomendas totais e de base em todas as regiões e em todas as divisões", afirmou Ulrich Spiesshofer, CEO da ABB. "A continuidade da execução da nossa estratégia e a crescente procura de clientes pela nossa oferta digital ABB Ability ™ está a impulsionar o crescimento das encomendas e a melhoria da faturação."

"A nossa liderança tecnológica pioneira está a produzir resultados sólidos em todas os divisões, especialmente na Robotics and Motion e Industrial Automation. Após a aquisição da GE Industrial Solutions, a divisão Electrification Products beneficiou de uma presença mais forte no importante mercado dos EUA, enquanto a integração inicial está a impactar a margem operacional (EBITA) como esperado. A Power Grids continua a sua transformação com uma boa dinâmica de encomendas e está agora na margem alvo de 10-14%. "

Principais números

 

 

 

 

Variação

 

 

 

 

 

Variação

Em milhões de dólares salvo indicação contrária

T3 2018

T3 2017

US $

Comparativo

9M 2018

9M 2017

US $

Comparativo

Encomendas

8.941

8.157

+10%

+9%

28.196

24.909

+13%

+7%

Faturação

9.257

8.724

+6%

+3%

26.773

25.032

+7%

+2%

EBITA operacional

1.118

1.124

-1%

+4%

3.345

3.109

+8%

+5%

Em % de faturação operativa

12,1%

12,9

-0,8pts

 

12,5%

12,5%

0,0pts

 

Lucro líquido

603

571

+6%

 

1.856

1.820

+2%

 

Lucro líquido por ação (USD)

0,28

0,27

+6%

 

0,87

0,85

+2%

 

Lucro operacional por ação (USD)

0,34

0,34

+0%

+4%

1,03

0,92

+12%

+12%

Cash flow operacional

565

954

-41%

 

1.057

1.930

-45%

 

Perspetiva a curto prazo

Os sinais macroeconómicos tendem a ser positivos na Europa e nos Estados Unidos, com um crescimento esperado na China. O mercado global está de volta ao crescimento, embora ainda afetado por incertezas em várias partes do mundo. Espera-se que os preços do petróleo e os efeitos da conversão cambial continuem a influenciar os resultados da empresa.

Resultados do Grupo 3º Trimestre de 2018

O total de encomendas subiu 9 por cento (10 por cento em dólares americanos), em todas as divisões e regiões em comparação com o ano anterior. As encomendas de base (encomendas base são classificadas como encomendas inferiores a 15 milhões de dólares) aumentaram 7% (12% em dólares americanos), em todas as divisões e regiões, suportadas pela abrangente oferta digital da ABB, a ABB Ability ™. As grandes encomendas representaram 7 por cento do total de encomendas, em comparação com 9 por cento no mesmo trimestre de 2017. O backlog de encomendas teve um aumento de cerca de 2 por cento (sem alteração em dólares americanos) em comparação com um ano atrás.

As encomendas de serviços aumentaram 8 por cento (10 por cento em dólares americanos). As encomendas de serviços representam 18% do total de encomendas, em comparação com 18% no período do ano anterior.

As mudanças no portfólio de negócios, incluindo o impacto da aquisição da GE Industrial Solutions, resultaram num impacto positivo líquido de 4% no total de encomendas reportadas. Os efeitos de conversão cambial tiveram um impacto negativo de 3% nas encomendas reportadas.

Visão geral do mercado

A ABB assistiu a uma procura robusta de todas as regiões:

  • O total de encomendas na Europa subiu 15 por cento (10 por cento em dólares americanos), com contribuições positivas da Alemanha, Itália, Suécia e Suíça superando as contribuições mais baixas do Reino Unido e da Rússia. As encomendas base subiram 6 por cento (7 por cento em dólares americanos).
  • As encomendas totais das Américas aumentaram 9% (23% em dólares americanos). As encomendas dos Estados Unidos aumentaram 10% (31% em dólares americanos), e também no Brasil. As encomendas base das Américas aumentaram 9% (24% em dólares americanos).
  • Na Ásia, Oriente Médio e África (AMEA), as encomendais totais cresceram 4 por cento (1 por cento mais baixo em dólares americanos) com fortes encomendas na China, India, Vietnam e Egipto atenuadas por uma diminuição da procura na Coreia do Sul, Arábia Saudita e dos UAE. Na China, as encomendas totais aumentaram 13 por cento (15 por cento em dólares americanos). As encomendas base para a região AMEA aumentaram 5 por cento (7 por cento em dólares americanos).

A procura cresceu na maioria dos principais segmentos de clientes da ABB:

  • A procura por clientes das Utilities foi robusta no terceiro trimestre. Os investimentos foram impulsionados pela integração de energias renováveis na rede, soluções digitais para redes mais inteligentes e um foco crescente na eficiência e fiabilidade. Uma encomenda significativa foi recebida este trimestre para permitir a integração e transmissão de corrente contínua de alta tensão (HVDC) de energia hidrelétrica limpa em toda a Ásia Central.
  • Assistimos a uma procura sólida num amplo espectro de indústrias durante o trimestre. Investimentos de indústrias de processo, incluindo petróleo e gás e mineira, continuaram enquanto as encomendas de indústrias como alimentos e bebidas mantêm-se estáveis. A procura foi forte para soluções de automação e robótica, inclusive da indústria automóvel.
  • A procura no setor de transporte e infraestrutura foi positiva, com investimentos crescentes em data centers e investimentos contínuos no setor marítimo e ferroviário. A procura pelo setor da construção foi robusta, com investimentos em edifícios comerciais como hospitais e resorts.

Faturação

A faturação aumentou cerca de 3 por cento (6 por cento em dólares americanos), sustentada pelo crescimento continuado da Robotics and Motion e bom impulso das divisões Electrification Products e Industrial Automation, enquanto a faturação da Power Grids permaneceu estável. A faturação de serviços foi de 11% (14% em dólares americanos), reforçada pelo portfólio de soluções digitais líder da ABB, ABB Ability ™. Os serviços representaram 18% do total da faturação, em comparação com os 17% no mesmo período do ano anterior.

As alterações no portfólio de negócios, incluindo o impacto da aquisição da GE Industrial Solutions, contribuíram com um resultado positivo líquido de 6% para a faturação reportada. As mudanças nas taxas de câmbio resultaram num impacto da faturação reportada de menos 3%.

A relação book-to-bill aumentou para 0,97 x no final do trimestre, em comparação com os 0,94 x no ano anterior.

EBITA Operacional

O EBITA operacional de 1.118 de dólares manteve-se constante em dólares americanos (acima de 4 por cento em moedas locais) no terceiro trimestre em comparação com o mesmo período do ano anterior. A margem operacional EBITA de 12,1% foi impactada em 80 pontos base pela aquisição da GE Industrial Solutions (EG) e também pelo impacto de 40 pontos base de uma despesa relacionada com o negócio não-núcleo de retrofitting de comboios.

Lucro líquido, lucro líquido e operacional por ação

O lucro líquido foi de 603 milhões de dólares, 6% superior ao mesmo período do ano anterior. O lucro líquido operacional da ABB manteve-se estável em 727 milhões de dólares. O lucro líquido por ação de 0.28 dólares foi 6% mais superior. O lucro operacional por ação de 0.34 dólares foi estável e 4% superior em moeda constante.

Cash Flow Operacional

O cash flow das atividades operacionais de 565 milhões de dólares em comparação aos 954 milhões de dólares no terceiro trimestre de 2017. Em relação ao ano anterior, o cash flow reflete o abatimento das faturas a liquidar, o prazo para pagamentos de impostos, bem como o aumento dos stocks e valores a receber devido ao aumento das encomendas e o impulso do crescimento da faturação. Espera-se uma entrega de caixa sólida para o ano inteiro, ao mesmo tempo em que reflete o Working Capital mais elevado suportado pelo crescimento e devido ao cash flow estimado que também são impactados pela mudança do modelo de negócios do EPC.

Perspectivas de curto e longo prazo

Os sinais macroeconômicos têm uma tendência positiva na Europa e nos Estados Unidos, com um crescimento esperado na China. O mercado global em geral voltou a crescer, embora ainda seja afetado por incertezas em diferentes partes do mundo. Os preços do petróleo e as taxas de câmbio irão provavelmente continuar a influenciar os resultados da empresa.

A perspetiva favorável de procura nos três principais setores de clientes da ABB: utilities, indústria, transportes e infraestrutura, impulsionada pela revolução energética e pela quarta revolução industrial. A ABB está bem posicionada para explorar essas oportunidades de crescimento de longo prazo com sua oferta digital líder de mercado, a ABB AbilityTM, forte presença no mercado, ampla presença geográfica e comercial, liderança tecnológica e solidez financeira.

ABB (abbn: six swiss ex) é um líder tecnológico pioneiro em redes energéticas, produtos de eletrificação, automação industrial e robótica e movimento, com clientes globais de serviços públicos, indústria, transportes e infraestruturas. Continuando uma história de inovação com mais de 130 anos, a ABB está a escrever hoje o futuro da digitalização industrial com duas proposições de valor claro: transportar energia desde qualquer central para qualquer tomada e automatizar indústrias desde a gestão de recursos naturais até à entrega do produto final. Como patrocinadora oficial da fórmula E, a competição internacional de automobilismo FIA totalmente elétrica, a ABB está a desafiar os limites da mobilidade elétrica contribuindo para um futuro sustentável. A ABB opera em mais de 100 países com cerca de 147.000 empregados.

Partilhe este artigo

Facebook LinkedIn Twitter WhatsApp